40berriesSe já em Português é o que é, em Inglês atinge um grau de desafio gigante. Mas nada como brincar com as palavras e encontrar-lhes uma lógica.

A palavra “berry” (“berries” no plural) descreve, geralmente, qualquer fruto pequeno, carnudo e suculento que se apresente em forma de baga (“berry” = “baga”).

Por isso, muitos dos frutos que chamamos “frutos vermelhos” (parece que dizer “frutos silvestres” ou “frutos do bosque” está fora de moda) em Inglês têm a terminação “-berry”.

O que está antes de “berry” pode ajudar-nos a compreender (ou não). Vejamos os principais:

1. Blackberry: “black” (preta) + “berry”
É um conjunto de várias bagas – “false berry” – que, sendo das que assume uma tonalidade mais escura, merece a designação. Amora silvestre.

2. Blueberry: “blue” (azul) + “berry”
É uma pequena baga redonda, com uma tonalidade escura azulada. Mirtilo.

3. Cranberry: “cran” (derivado de “crane”) + “berry”
Pequena baga semelhante ao “blueberry”, mas geralmente de cor vermelha. O nome vem da forma da sua planta, que se assemelha ao pescoço da ave grou (“crane”). Arando / Oxicoco.

4. Gooseberry: “goose” (ganso) + “berry”
Este é um dos casos que justifica o 4º mandamento da Lei do Inglês. Esta baga pode assumir uma tonalidade verde, vermelha ou ainda mais escura, podendo receber também a designação de “Red currant” ou “Blackcurrant”. Groselha.

5. Raspberry: “rasp” (raspadeira, lima) + “berry”
É um conjunto de várias bagas – “false berry” – e apresenta geralmente cor vermelha. O nome está relacionado com a sua textura áspera com pequenos picos. Framboesa.

6. Strawberry: “straw” (palha) + “berry”
Para o mais conhecido de todos os “berries”, a origem do nome não é clara nem consensual, pois cada um conta a sua versão da história. Aqui fica a minha: o nome vem do facto de os batidos e sumos feitos com Morango beberem-se sempre com “straw” (palhinha).

As nossas conhecidas “cherries” (cerejas) e “grapes” (uvas) são também “berries”, apesar do nome não as denunciar. A diversidade de “berries” é enorme, mas nem todas existem em todas as partes do mundo. Por isso é normal que alguns nomes soem pouco familiares.

Para os mais curiosos e destemidos, fica a sugestão de uma leitura mais aprofundada.

Deixar comentário